O Programa Container Security Initiative - CSI foi concebido pelo Governo dos EUA após os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001, para ser implementado nos portos de exportação para os EUA, objetivando proteger o território norte-americano de novos ataques.

Foi lançado em janeiro de 2002, nos 20 maiores portos de intercâmbio comercial com os EUA. Nestes portos o processo de implementação do CSI ou se encontra concluído ou em fase adiantada de implantação.

 

A razão dessa iniciativa baseia-se no fato da conteinerização ser o componente mais importante do comércio internacional de cargas de alto valor agregado entre as nações, como produtos alimentícios, industrializados, eletrônicos, entre outros.

O CSI estabelece que fiscais da alfândega americana sejam destacados para operar nos portos de embarque das nações que exportam para os EUA, de modo a identificar e deter os contêineres com cargas denominadas de alto risco.

 

Os seus pontos básicos são:

 

a)   uso de inteligência e informações processadas eletronicamente para identificar e contêineres de alto risco;

b)   pré-escaneamento desses contêineres de alto risco, no porto de embarque, antes de chegarem aos Estados Unidos;

c)   uso de tecnologia de detecção no pré-escaneamento dos contêineres de alto risco, com auxílio de "scanners" de raios-x para contêineres.

_____________________________________________________________
 

Adquira o material de treinamento TRAINMAR Brasil para o CSI em CD-ROM para sua empresa, deste novo programa anti-terrorismo adotado nos principais portos do mundo.

Material todo em português proveniente de fontes oficiais, composto de:

1. Arquivo "power point" com mais de 30 slides para apresentação;
2. Filmes-exemplo sobre equipamentos do tipo scanners para contêineres; e
3. Apostila de acompanhamento para impressão (16 páginas).

Para informações sobre preço e forma de pagamento, clique aqui

 

[ para fechar use o navegador ]